5 coisas que você deve saber sobre equipamentos de movimentação de carga

5 coisas que você deve saber sobre equipamentos de movimentação de carga

Conheça abaixo cinco itens que você deve considerar antes de compar um transpalete ou paleteira manual

Transpalete, também conhecido como paleteira manual ou carro hidráulico, são equipamentos para movimentação de cargas paletizadas, presente em qualquer armazém esses equipamentos permitem o manuseio da carga com agilidade e segurança. Apesar de serem considerados equipamentos simples e de baixo custo, são necessários alguns cuidados na hora da compra.

transpalete manual - movimentação de carga1) CAPACIDADE DE CARGA

Esse é o primeiro item que deve-se levar em consideração, os modelos variam de 2.000 kg a 3.000kg de capacidade máxima. Lembrando que o centro de carga deve ser respeitado, por exemplo, não é aconselhável transportar com peso muito na ponta das lanças ou mais concentrado de um lado do que de outro.

2) LARGURA DOS GARFOS

Os palets mais comuns são os de padrão PBR, para transpaletes com largura de 680 mm, porém deve-se ter atenção na hora de fazer o pedido, pois principalemente palets de importação tem largura menor, medindo 530 mm. Pode-se fabricar transpaletes com larguras especiais sob encomenda, porém os de linha são 530 ou 680 mm.

3) TIPO DE RODA

Esse item tem importância muito grande, pois a escolha incorreta pode acarretar em enormes prejuízos. Os tipos de rodas são:

Nylon – Indicado para pisos mais irregulares e sem pintura (pisos que requerem menor cuidado)

Poliuretano – Indicado para pisos lisos, com pintura, cerâmica ou cimento queimado.

O prejuízo está quando por exemplo utiliza-se rodas de nylon em pisos com pintura ou cerâmica, como nylon é um material seco danifica facilmente a superfície do piso.

4) TIPO DE RODAGEM

Existem dois tipos de rodagem, simples ou tanden.

Rodagem simples utiliza uma roda em cada ponta da lança, e é indicado para pisos mais regulares, sem subidas ou desníveis.

Rodagem dupla utiliza duas rodas em cada ponta da lança, e é indicado para pisos irregulares, com subidas e desníveis.

5) ACABAMENTO DO CHASSI

O acabamento mais tradicional é o de aço carbono com pintura em sintético, porém para ambientes como frigorífico, produtos químicos ou qualquer ambiente que necessite de extrema higiene, são indicados chassis de aço inox ou com galvanização a fogo que tem garantia de 10 anos no acabamento.

Lembre-se ainda que ambientes de baixas temperaturas exigem lubrificantes especiais, converse com o seu vendedor sobre isso.

Por William Nascimento: Empresário, especialista em equipamentos para movimentação de cargas e sócio da MOVIMAK. william@movimak.com.br

Gostou dessa matéria? Doe qualquer valor e ajude a manter o Logística Descomplicada gratuito:

Leandro C. Coelho, Ph.D., é Professor de Logística e Gestão da Cadeia de Suprimentos na Université Laval, Québec, Canadá. Conheça mais no menu Sobre (acima).