Empresas diminuem exigências por qualificação

Empresas diminuem exigências por qualificação

A dificuldade para encontrar profissionais com todas as qualificações exigidas para um cargo já faz com que as empresas diminuam as exigências na hora de contratar.

O fato, segundo pesquisa realizada pela Fundação Dom Cabral, pode ser sentido especialmente na contratação de profissionais nos níveis operacional e técnico, para os quais 54% das empresas têm diminuído suas exigências.

Para estes profissionais, aponta o levantamento, a experiência na área é a exigência que as empresas mais têm aberto concessões (83%). Em seguida, aparecem a habilidade técnica (46%), o curso técnico (28%) e características pessoais (17%).

Tático e estratégico
No caso de profissionais de níveis tático e estratégico, contudo, o percentual de empresas que têm aberto mão das exigências é menor, apenas 28%.

falta de qualificação profissionalNeste universo, as exigências que as empresas têm aberto concessões na hora de contratar são: pós-graduação (56%), fluência em idiomas (53%), experiência na área (50%), perfil de competências pessoais (28%) e curso superior (6%).

Dificuldade
No geral, o estudo, que ouviu 130 empresas de grande porte no Brasil, constatou que 92% das empresas encontram dificuldades na contratação de profissionais, sendo que a dificuldade é uniforme em todas as regiões do país.

A falta de qualificação é o principal problema na hora de contratar, com 81% das empresas citando a escassez de profissionais qualificados como maior entrave. A falta de experiência na função e a deficiência na formação básica aparecem em segundo e terceiro lugares, com 49% e 42% das indicações, respectivamente.

Também foram citados como entraves a dificuldade em atender a pretensão salarial dos candidatos (35%), achar quem aceite trabalhar fora da região de residência da família (24%) e as características incompatíveis com a ideologia da empresa (15%).

Se você está buscando uma colocação no mercado, aproveite para conhecer as vagas anunciadas na seção Há Vagas.

* Por Gladys Ferraz Magalhães, INFOMONEY

Gostou dessa matéria? Doe qualquer valor e ajude a manter o Logística Descomplicada gratuito:

Leandro C. Coelho, Ph.D., é Professor de Logística e Gestão da Cadeia de Suprimentos na Université Laval, Québec, Canadá. Conheça mais no menu Sobre (acima).

  • Gurgel A.

    Bom, eu fiz o mesmo curso pela FIEC (Fundação indaitubana de educação e cultura) e estou bem empregado, e ganhando relativamente bem. Acredito que se você tenha uma minima experiencia na área não será problema arrumar um emprego, sendo que 48 anos não é assim tão velho para o mercado.

  • Bruscain

    Tenho 48 anos e acabei de realizar um curso técnico em Logística Integrada pela ETEC de Osasco.

    Será que ainda tem mercado pra min?

    Desculpe-me utilizar este canal para efetuar a pergunta,mas estou me questionando se valeu a pena.

    Por favor,o que voce acha?

  • sirlei luz

    NA, maioria das veses não basta ter ensino superior ou tecnico, é preciso experiencia e isso fica dificil quando se sai de curso ou da faculadade, pois experiencia e perfil se adiqure tendo oportunidades de trabalho, seja grande aempresa ou media ou pequena, as e,presashoje querem presa e não qurem perder tempo ensinando auxiliando um novo colaborador

    mais ainda precisamos de mais vagas e mais entusiasmo para estemercado cada ves mais dificil e competitivo

  • AS empresas no Brasil vive até hoje naquela fase do Qi, muitas vezes os trabalhadores tem o perfil desejado pelas as empresas mas acaba não sendo contratado por que não tem indicação de uma pessoa que já está lá, e isso dificulta muito o processo de escolha. o outro problema é que o TI chegou para ficar as empresas investe em tecnologia de ponta e esquece de investir no funcionário que tem que pagar muito caro para se qualificar, como a maior parte dos trabalhadores brasileiros ganha muito pouco fica difícil encontrar mão de obra qualificada.

  • Porque tudo parte do treinamento,como que eu vou saber qual programa que determinada empresa usa?

    existe cursos de programas de empresa?

    será que se treinarmos não teremos um bom funcionário?Para mim o problema estaria resolvido com esse modelo de gestão.

    treinar,treinar e treinar….Assim teremos uma sociedade mais justa.

  • Acho que tem que ser assim mesmo, quando tem boa vontade para aprender não tem dinheiro para financiar.Nada mais justo que treinar todo mundo que queira trabalhar, desse modo teremos um Brasil mais justo,as exigencias deixa para traz e parte para um novo começo,aqui no nordeste em especial Feira de Santana Ba,isto está acontecendo tem mais de um ano uma empresa de grande porte tentando achar profissionais qualificados e até o momento nada, eu estive com a RH dessa empresa e disse o problemas são as exigencias excessivas,porque gente com vontade de trabalhar não falta,basta treinar.Treinar é tudo.

  • marcos

    Está melhorando,,,