Integrando a logística com a gestão da cadeia de suprimentos

Integrando a logística com a gestão da cadeia de suprimentos

O processo logístico hoje deve ser visto de maneira integrada, pois somente assim ele atingirá os objetivos de atender bem o cliente com um custo satisfatório. Integrar todas as atividades internas, externas e promover o entendimento com fornecedores e clientes é missão do gestor logístico atual.

integração logística e gestão da cadeia de suprimentos - livros de bowersoxEste conceito não é novo, e um dos precurssores desta ideia foi Donald Bowersox, autor de alguns dos melhores livros de nossa área. Bowersox pregou que a missão de logística, de maneira sucinta, deve buscar o balanceamento das expectativas em relação ao serviço e dos custos, de tal maneira que os objetivos do negócio sejam alcançados. Autor de diversos livros e inúmeros artigos, Bowersox faleceu no início de julho. Foi ele que escreveu pela primeira vez que o papel da logística é oferecer os produtos certos no local apropriado, no momento desejado pelos clientes.

Seu legado, no entanto, continuará a ser estudado e aplicado nas empresas e escolas de logística por todo o mundo.

Com suas ideias inovadoras, há 15 anos ele já dizia que a chave para alcançar a excelência logística é dominar a arte de combinar as competências da empresa com expectativas e necessidades dos clientes; ainda que através desse compromisso é que se formularia uma estratégia logística.

Bowersox atuou não apenas na formulação de estratégias, mas também na criação de métricas para avaliação do desempenho operacional. Ele dizia que existem três objetivos principais no desenvolvimento e implementação de sistemas de medição de desempenho logístico: monitorar, controlar e direcionar as operações logísticas. Com estas ideais em mãos é que hoje formulamos os indicadores de desempenho utilizados na prática.

Os livros de Donald Bowersox são utilizados em muitos cursos de logística, em todos os níveis universitários. Você pode adquirir algumas obras de sua autoria nos links abaixo:

Gestão Logística de Cadeias de Suprimentos (link para Livraria Saraiva)

Gestão da Cadeia de Suprimentos e Logística (link para Submarino)

Logística Empresarial: Processo de Integração da Cadeia de Suprimento (link para Submarino)

 

Gostou dessa matéria? Doe qualquer valor e ajude a manter o Logística Descomplicada gratuito:

Leandro C. Coelho, Ph.D., é Professor de Logística e Gestão da Cadeia de Suprimentos na Université Laval, Québec, Canadá. Conheça mais no menu Sobre (acima).

  • nelly

    queria saber o resumo do processo de suprimento
    e manufatura e distribuição…

  • @ScillaR

    Em uma prova de logística, um professor me apresentou como justificativa para sua avaliação uma tabela em que eram comparados a Logística praticada no Brasil com os mais desenvolvidos países do mundo (Suply Chain). Nessa tabela eram mostrados pontualmente os limites de atuação da Logística/Suply Chain, deixando-me claro que a Logística que discutimos aqui no Brasil está muito aquém daquela praticada nos países mais evoluídos. Isso me causou certa dúvida: se naqueles países o SCM se encarrega desde o planejamento estratégico após análise SWOT,  da capilaridade da PROMOÇÃO e das PRAÇAS visando o aumento das vendas e  da facilidade de reabastecimento dos CDs, distribuidores e varejistas; se além de tudo isso ainda acompanha desde a fase da emissão do pedido até a distribuição (suprimentos, produção, armazenamento e distribuição); prosseguindo até o CRM e análise do feedback do consumidor final; QUAL SERIA A FUNÇÃO DO MARKETING NESSA SEQUÊNCIA DE FUNÇÕES? UMA FUNÇÃO ENGLOBADA PELA LOGÍSTICA OU VICE-VERSA, COMO DIZEM ALGUNS ESPECIALISTAS EM GESTÃO DE MARKETING?
    Estaria eu equivocada ao analisar que, num futuro próximo, a tendência seria o desaparecimento de uma profissão diante do crescimento da outra? Afinal, a TQM quase que dita as regras gerais na satisfação do cliente nessa geração pós-globalização. O prossumidor não quer mais saber de apenas bom atendimento (CRM), ele quer e exige eficiência e eficácia do produto e dos serviços.
    Cheguei à conclusão de que, se o Marketing não aderir às métricas para mensurar suas metas e obtenções intangíveis, não terá mais valia enquanto função no mercado de trabalho. Embora ainda seja da opinião de que o relacionamento pode SIM potencializar, pulverizar e manter a cartela de clientes ou reverter perdas ocasionadas por falhas ocorridas durante a gestão da cadeia de suprimentos, fazendo uso de um atendimento personalizado profissional e eficaz.
    Me corrijam se estou equivocada, por favor!

  • Sidnei Grunow

    Muito bom, logística descomplicada traz conhecimentos valiosos. "Parabéns"

  • Só falta destacar a importância dos portais corporativos para a gestão da cadeia de suprimentos. Tenho dedicado meu tempo a esse estudo e estou impressionado com as vantagens.

  • Rosi

    Dicas valiosas, obrigada!

  • Flávio Aguila

    Muito boa a matéria, parabens à todos envolvidos ao site!

  • Cristina Teixeira

    Adorei a matéria. Parabéns à logística Descomplicada por disponibilizar material de conteúdo para nosso aprimoramento!

  • Nilton S. Bruscain

    Gostaria de receber alguns exercícios para por em prática esses conhecimentos.Pode ser?

    • Nilton, não tenho questões para compartilhar. Nestes livros vocês encontrará exercícios, recomendo o terceiro se você busca um material de base com questões.

  • Mauro C. Ferreira

    Parabéns à Logística Descomplicada por nos proporcionar conhecimentos vastos, enriquecedores,e sabedoria também,estes artigos têm me ajudado bastante no estudo da Logística.
    Obrigado!!!!!!

  • Diktherman

    Excelentes conteúdos, quero acompanhar o Logística Descomplicada de perto. Valeu!

    • Andréa

      Maravilha esta página… estou cursando especialização em Logística e quero ficar sempre antenada em tudo que acontece no mundo da Logística. Agradeço o apoio.

      • Andréa, sugiro assinar nossa newsletter para receber por email as novas matérias do site. Lembre também que estamos presentes nas principais redes sociais!