O que é e como calcular o Lote Econômico de Produção (ou Fabricação)

Muitas empresas hoje precisam decidir se irão comprar ou fabricar algumas partes de seus produtos. Esta é uma decisão estratégica pois envolve não somente custos, mas o know-how e a flexibilidade que se tem ao fabricar as partes internamente, mas normalmente acarreta outras preocupações como treinamento da mão-de-obra, compra de equipamentos, manutenção, etc.

Ao decidir por comprar, a empresa pode usar o Lote Econômico de Compras, que já foi discutido e explicado em outro artigo. Se a opção for por fabricar, então veremos hoje qual a quantidade que deve ser produzida, utilizando o Lote Econômico de Produção (ou Lote Econômico de Fabricação).

Se no Lote Econômico de Compras os custos minimizados eram de estoque e de colocação do pedido, no Lote Econômico de Fabricação iremos minimizar os custos de fabricação, o custo de setup da máquina (ajuste para o tipo de produto) e custo por manter o estoque do lote fabricado. Para atender a demanda de um período (por exemplo um mês) a empresa pode optar por fabricar um grande lote igual a demanda, ou 2 lotes iguais a metade da demanda, ou 10 pequenos lotes iguais a 10% da demanda. Qual é a opção mais barata?

entendendo o lote econômico de produçãoPara apresentar a fórmula, vamos antes apresentar individualmente cada componente dela:

– iremos fabricar um lote para atender a uma demanda que chamaremos (matematicamente) de D;

– o tamanho de cada lote fabricado será chamado de Q – obviamente Q é menor do que D, ou se fabricarmos apenas um lote, Q = D;

– assim, o número de lotes fabricados será chamado de N e pode ser calculado por D/Q;

– o custo de fabricação de uma peça (custo unitário) é Cf;

– o custo de setup da máquina (preparação) é Cs;

– taxa de juros do período é i;

Assim como no Lote Econômico de Compras, o Lote Econômico de Produção também tem algumas suposições para tornar a fórmula e sua aplicação mais simples. Dentre elas estão: fabricação instantânea, consumo constante do estoque, dados conhecidos com certeza (sem variações estatísticas) e o custo de estoque pode ser aproximado pelo estoque médio.

Então, o custo total de fabricação (CTF) é dado pela fórmula:

custo total de fabricação ou de produção

Com uma matemática não muito complexa (derivada do custo total em relação ao tamanho do lote, para minimizar o custo total de fabricação), chega-se ao valor do Lote Econômico de Fabricação Q*:

tamanho do lote econômico de fabricação ou de produção (fórmula)

E a quantidade de lotes de tamanho Q* que devem ser fabricados é D/Q*.

Vale lembrar que é possível deixar esta fórmula mais completa se adicionarmos taxas de produção e taxas de consumo, quebrando algumas suposições iniciais do modelo.

Assim como no Lote Econômico de Compras, o LEP também deve ser arredondado, pois pequenas variações em torno de Q* não vão alterar grandemente o custo total.


Para manter-se sempre atualizado assine nossa newsletter ou nosso feed.
Curso de logística de baixo custo, online e com certificado? Clique e conheça!


Escrito Por : Leandro C. Coelho, Ph.D., é Professor de Logística e Gestão da Cadeia de Suprimentos na Université Laval, Québec, Canadá. Conheça mais no menu Sobre (acima).

em : domingo, 20 mar, 2011


  • http://regis Reginaldo januario d

    A logistica, e´muito amplo, muito bom mesmo quero absorver muito mais.

    obreigado.

  • Cleiton

    Muito bom esse artigo, mas se quisermos calcular lotes para intervalos de tempo constante numa tentativa de aumentar giro de estoque a baixo custo?

    • http://www.logisticadescomplicada.com/ Leandro – Log&iacute

      Cleiton, esta fórmula é usada para minimizar os custos citados na matéria. Se o interesse for manter o giro mais estável e você quiser fabricar num intervalo de tempo constante (que você conheça), basta calcular qual a demanda no período entre uma fabricação e outra.

  • Edson gomes

    Acho,que em cada empresa de acordo com a poduçâo,a formula indicada funciona perfeitamente.

    minha pergunta é: Em caso de uma multinaconal,funcionaria?

  • daniel

    olá,

    esta fórmula se baseia na demanda.

    gostaria de ver algo atual sobre cálculo de lote econômico baseado na capacidade de equipamento ou linha, levando em consideração também o custo de mão de obra e setup.

  • http://twitter.com/driusoares Adriana Soares

    Como faço para calcular as taxas de consumo e produção?