Categorias
Logística Transportes

Logística e o agenciamento de cargas

O setor de agenciamento de carga tem evoluído muito, especialmente no que tange à ampliação de sua gama de serviços e das transformações que as empresas agenciadoras sofrem e estão sofrendo ao longo dos anos.

Os agentes de cargas vêm se destacando na montagem de grandes projetos logísticos. São capazes de unir prestadores (modais, profissionais, infraestrutura, etc.) e oferecer mudanças que, de fato, podem transformar a vida das empresas.

logística e o agenciamento de cargasContudo, além de preocuparem-se em montar um excelente projeto, no ato da execução, tudo aquilo que foi desenhado e calculado deverá sair do papel da mesma forma com a qual fora projetado. Ou seja, deverão proporcionar redução de custos e tempo, tornando o produto do cliente cada vez mais competitivo.

Do outro lado estão os clientes, que estão fixos na idéia de redução de custos, mensurando somente a questão financeira, através de processos licitatórios que, na maioria das vezes, não colocam a qualidade em questão. Tais processos licitatórios, que só medem valores, vêm se demonstrando frágeis, trazendo prejuízos às empresas, porque muitos dos vencedores dessas licitações não conseguem realizar os serviços que se propuseram a prestar, causando prejuízos aos clientes.

Na grande maioria das vezes, os agenciadores de carga não possuem caminhões, navios, aviões, terminais portuários e retroportuários. Mesmo não possuindo parte ou todos os elementos necessários, não significa que sejam incapazes de gerenciar um grande projeto, muito pelo contrário, podem e fazem grandes e excelentes trabalhos. Contudo, também deverá ser levado em consideração as empresas parceiras desses agenciadores, pois, inevitavelmente, a execução da operação e o fluxo de informações passarão por essas empresas parceiras.

Não basta ganhar uma concorrência ou atingir o valor solicitado pelo cliente. O que importa é realizar o trabalho com exatidão, de forma financeiramente saudável para ambos. O que não pode, é a montagem de um projeto com empresas parceiras que sejam ineficientes, somente para atingir um target de valor.

Uma empresa que investe em qualidade tem um limite de baixa precificação. Uma empresa que oferece estrutura, pessoal treinado, que possui licenças para transportar e movimentar diversas cargas, que investiram pesado em qualificação, não tem condições de competir em valores com concorrentes que não realizaram os mesmos investimentos.

Vale ressaltar que o agenciador de cargas tem responsabilidades pelas falhas de seus parceiros e, por isso, devem prestar muita atenção às empresas que colocam para executar um projeto de um cliente. Do contrário, dependendo do contrato ou da proposta, fatos e atos poderão ser resolvidos em perdas e danos.

Algumas situações, que de fato acontecem: chegar às instalações de um cliente um veículo sem condições de viagem; não se localizar um caminhão; veículos chegando com atraso; prometer janela em um trem e não ser possível cumprir; escolher um armador, ou uma cia. aérea que não opere com exatidão; escolher um terminal ineficiente que perca embarque de clientes, que cause avarias, que atrasem suas operações.

A logística contemporânea assemelha-se a uma máquina, cujo funcionamento depende de cada interveniente escolhido. Se há um atraso na chegada do caminhão numa fábrica para retirar uma carga, por exemplo, toda sistemática fica comprometida, seja na operação propriamente dita, seja na produção e expedição de uma empresa. Em outras palavras, nada pode falhar, todas as etapas devem ser cumpridas a risca. Por isso é importante oferecer aquilo que se consegue cumprir.

Por: Andre de Seixas  e André Martins – Grupo IRO-LOG Logistics & Trading

Por Leandro Callegari Coelho

Leandro C. Coelho, Ph.D., é Professor de Logística e Gestão da Cadeia de Suprimentos na Université Laval, Québec, Canadá.

16 respostas em “Logística e o agenciamento de cargas”

boa noite..
estou interessado em montar uma logística de agenciamento de cargas nacionais e mercosul…tratar,orientar e conseguir cargas para autônomos. o que me é recomendado para iniciar? quais os passos devo seguir e aonde buscar informações para cargas e destinos? sou de Porto Alegre RS, e tenho interesse em agenciar para caminhoneiros autônomos.

Boa noite, Leandro
gostaria de informações para ser agenciadora de cargas para caminhões e carretas para todo o brasil, com o funciona, qual o primeiro passo por favor me oriente. obrigada um abraço

Boa tarde, Leandro

Gostaria de saber o que é preciso ser agente de cargas internacionais marítimo, aéreo e rodoviario.

Atenciosamente

Allan

Boa noite Leandro,
Necessito da sua ajuda.Tenho um seminário a ser apresentado e o tema é sobre a “Legislação Aplicada ao Agenciamento Logístico,contudo não consigo achar nenhuma informação especifica sobre esse tema. Se possivel ajudar-me.
Danilo Moraes.

Acabo de sair de uma reunião tratando justamente o agenciamento de carga, porem para transporte metropolitano na região metropolitana de Belo Horizonte. Tem um tanto de agenciador, um tanto de transportador, mais os agregados são o mesmo. Infelizmente digo que aqui em BH ainda temos muito que evoluir.

Acontece muito é que cada solicitante, gestor de operação, se preocupa sim com a qualidade na prestação de serviço, porem é so cair licitação na mão de suprimentos que compradores fazem verdadeiros leilões do menor preço independente de possuir verba disponivel.

A Logistica é uma atividade realmente dimamica,e cada ves mais indispensavel ao processo produtivo.A qualificaçao dos proficionais envolvidos bem como de nossos parceiros tem como fator primordial no funcionamento sem falhas do sistema .Parabens ao autores e idealizadores da materia.

abraço

Rogerio lopes

Deixe um comentário para BRUNO LOMBARDE Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *