balanced scorecard

Livro recomendado: Controladoria estratégica e operacional

Hoje vou recomendar um livro para aqueles que se interessam pela controladoria. O livro Controladoria Estratégica e Operacional oferece uma visão teórica da área e apresenta ao leitor os conceitos e técnicas para a aplicação das técnicas.

livro controladoria estratégica e operacionalO livro é muito completo e cobre, dentre outros assuntos: sistemas de informações de controladoria, estruturas contábeis, o balanced scorecard, orçamentos e diversas formas de controle. O material é muito completo e abordado de formas teórica e prática.

Esta segunda edição de Controladoria Estratégica e Operacional foi revisada e atualizada a fim de incorporar os recentes estudos e inovações na área. A obra apresenta uma visão abrangente e estruturada da atividade de Controladoria, considerando os aspectos teóricos que a fundamentam como ciência ao mesmo tempo em que desenvolve todos os conceitos e técnicas para sua aplicação. O processo de gestão é o elemento condutor sobre o qual foi estruturada a obra.

Isso deixa claro o papel da Controladoria dentro de toda a empresa e nas etapas que envolvem o planejamento, a execução e o controle das atividades empresariais. O foco do autor é o processo de criação de valor por meio da correta mensuração dos resultados da empresa e das atividades de negócio. Além dos temas considerados clássicos em Controladoria, a obra apresenta outros mais avançados, como balanced scorecard, introdução ao gerenciamento do risco, modelos de decisão para o planejamento operacional e execução dos eventos econômicos, política de redução de custos e análise de geração de lucros.

Estratégias e Indicadores de Desempenho

Os indicadores de desemindicadores de desempenhopenho, também chamados de KPIs (key performance indicators) são medidas de desempenho, quantificáveis, que ajudam as empresas a definir, avaliar e melhorar sua performance em áreas consideradas importantes para a organização.

Como são medidas globais, que envolvem toda a empresa, devem refletir os direcionamentos estratégicos das mesmas. Chega-se num bom indicador ao responder à pergunta: “O que é realmente importante para a empresa?”. Sendo assim, cada empresa terá indicadores levemente diferentes, baseados na sua abordagem frente ao mercado. Por exemplo, um administrador de uma empresa de produtos de consumo em massa terá indicadores completamente diferentes do gestor de uma escola ou de um hospital. Por isso é difícil dar exemplo de um indicador que você poderá usar, mas ainda assim, discutirei mais sobre alguns indicadores específicos no final deste artigo.

Os indicadores de desempenho se aproximam de um benchmarking interno, pois visam melhorar continuamente alguns processos para obter vantagem competitiva. Como destacado acima, os indicadores devem refletir elementos globais, focados nos fatores críticos do sucesso. Com a abordagem de cadeias de suprimentos, os antigos sistemas de medição de desempenho ficaram rapidamente desatualizados, e mais do que nunca, os indicadores precisam refletir processos importantes, e não apenas números, melhorando a performance, incentivando e motivando os funcionários, e mais importante, através de toda a cadeia de valor, e não apenas num processo específico.