dicas

Os 10 mandamentos de um vendedor bem sucedido

vendas - negócio fechado!O assunto de hoje é relacionado ao setor de vendas: afinal, é através de uma operação de venda que se inicia o fluxo logístico, com deslocamento de produtos para um lado e de dinheiro para o outro (e de informações para os 2 lados).

Já falei em outra matéria aqui do site que o número de estudos e cursos nesta área é enorme, na busca por fechar a melhor compra, ganhando alguns centavos e aumentando a competitividade. Já vi negociações durarem horas por conta de um centavo, pois o produto seria transportado aos milhares da China para o Brasil. Assim, se em cada produto o comprador economizasse US$ 0,01 isto se converteria em US$ 1.000 num único lote de 100 mil peças. O esforço valia a pena e o comprador sabia disso (essa única negociação pagaria o seu salário!). Obviamente, o negócio devia ser bom para ambas as partes, o vendedor precisa saber até onde pode negociar o preço e a hora de parar.

Trabalhar como vendedor não é uma atividade tranquila. Estes profissionais têm de cumprir metas, conhecer os produtos e serviços, atender e principalmente conquistar os clientes. Mas por que alguns vendedores são bem-sucedidos e outros não são? A palavra chave é o conhecimento: um vendedor bem-sucedido busca ter conhecimento e informações além do que é exigido pela profissão.

Por isso, conheça abaixo os 10 mandamentos de um bom vendedor (e a lista se aplica à diversas outras profissões):

A logística do e-commerce – 3 dicas para eficiência (+ vídeo)

logística e entregas no comércio eletrônicoA internet tem mudado a forma como os negócios são feitos, e hoje até mesmo as pequenas empresas podem ter um site com vendas online. No entanto, ao mesmo tempo que isto trás facilidades e alcance de um mercado mais amplo, trás também uma dificuldade – que é a principal causa de reclamações nas vendas pelo comércio eletrônico: a entrega.

Fazer o atendimento ao cliente com uma entrega eficiente, rápida, segura e barata é um desafio para muitas empresas. Grandes ou pequenas, elas precisam passar confiança para o consumidor. Como o comprador não vê o produto pessoalmente antes de realizar a compra, o índice de devoluções é maior no comércio eletrônico do que no comércio tradicional.

Ainda, dependendo do tipo de produto, é preciso ter cuidados extras para garantir que o cliente receberá um produto com qualidade: treinar os entregadores, mudar a embalagem, etc.

Confira abaixo 3 dicas para melhorar a entrega do e-commerce, e logo em seguida veja um vídeo que ilustra essas situações.