E-Commerce

Comércio eletrônico em alta

Comércio eletrônico em alta

Comércio eletrônico deve faturar R$ 18,7 bilhões em 2011 O comércio eletrônico deve faturar este ano R$ 18,7 bilhões, ante os R$ 14,8 bilhões registrados…

São Paulo recebe conferência sobre logística para e-commerce

Com o objetivo de abordar e enfrentar os principais desafios da logística para o comércio eletrônico do país, o Projeto E-Commerce Brasil, oferecido pelo iMasters, Abril e Google, anuncia a conferência E-Commerce Brasil Logística, para o próximo dia 15 de fevereiro (terça-feira), no Hotel Blue Tree Towers Faria Lima, em São Paulo.

Com palestras técnicas, apresentação de cases e painéis de debate, o evento traz discussões e reflexões sobre alguns dos principais temas envolvendo a área de logística do comércio eletrônico, como estoque, segurança na operação, fluxo de Nota Fiscal Eletrônica, BackOffice, entrega pontual, entre outros.

Para tratar desses assuntos, a conferência técnica contará com a participação de especialistas no setor de grandes empresas

A logística do e-commerce – 3 dicas para eficiência (+ vídeo)

logística e entregas no comércio eletrônicoA internet tem mudado a forma como os negócios são feitos, e hoje até mesmo as pequenas empresas podem ter um site com vendas online. No entanto, ao mesmo tempo que isto trás facilidades e alcance de um mercado mais amplo, trás também uma dificuldade – que é a principal causa de reclamações nas vendas pelo comércio eletrônico: a entrega.

Fazer o atendimento ao cliente com uma entrega eficiente, rápida, segura e barata é um desafio para muitas empresas. Grandes ou pequenas, elas precisam passar confiança para o consumidor. Como o comprador não vê o produto pessoalmente antes de realizar a compra, o índice de devoluções é maior no comércio eletrônico do que no comércio tradicional.

Ainda, dependendo do tipo de produto, é preciso ter cuidados extras para garantir que o cliente receberá um produto com qualidade: treinar os entregadores, mudar a embalagem, etc.

Confira abaixo 3 dicas para melhorar a entrega do e-commerce, e logo em seguida veja um vídeo que ilustra essas situações.

A importância da controladoria e do Supply Chain Management – SCM – na busca da vantagem competitiva do e-commerce

artigo de autoria de Sérgio Rodrigues Bio, Masayuki Nakagawa, Léo Tadeu Robles e Ana Cristina de Faria.

Inseridas em um ambiente altamente competitivo e globalizado, as organizações para sua sobrevivência e desenvolvimento têm, cada vez mais, que se concentrar na identificação/ implementação de meios que proporcionem a alavancagem e sustentação de suas vantagens competitivas. Nesse sentido, destacam-se a melhoria de condições de relacionamento com clientes e fornecedores e a prática de sistemas eficientes de gestão empresarial.

Uma forma relativamente recente de relacionamento entre empresas, clientes e consumidores é representada pelo E-Commerce, o qual, na sua eficiência e eficácia, depende de formas avançadas de desempenho das áreas de logística e Controladoria, sendo esta última responsável pela gestão do Sistema de Informações da organização em todas as fases do Processo de Gestão da mesma (Planejamento, Execução e Controle), e aquela, como responsável pelo fluxo real de produtos/serviços transacionados.

A base conceitual do Supply Chain Management (SCM), na visão de logística integrada, também à Controladoria, é apresentada no sentido da busca da vantagem competitiva pelas empresas que operam no E-Commerce.