logística virtual

Logística, TI e o Mundo Virtual

Matéria publicada na edição 06 de setembro de 2008 da Revista MundoLogística:

logística Virtual: A Tecnologia da Informação e o Mundo Virtual Barateando e Simplificando o Fluxo de Materiais – Novas estratégias de gestão que melhoram o desempenho e diminuem custos

Autores: Leandro Callegari Coelho, Neimar Follmann, Carlos Taboada, Ronaldo Cristo.

Este artigo aborda a logística virtual como ferramenta para melhoria da eficiência operacional e obtenção de vantagem competitiva no mundo empresarial, especialmente no setor produtivo. As técnicas da logística virtual, ou e-logistics como tem sido tratada, devem ser extrapoladas do mundo virtual, das empresas baseadas na Internet, para suprir empresas físicas com novos conceitos sobre estoques, produção, disponibilidade e mercado consumidor. Estes conceitos são explicados com exemplos e ilustrações que facilitam o entendimento e a aplicação. Como resultado, ocorre o melhor uso dos recursos logísticos, maior flexibilidade e sem dúvida a aplicação de um novo e melhor modelo de gestão do negócio.

Logística virtual – gestão da cadeia de suprimentos

artigo publicado no Simpósio de Excelênca em Gestão e Tecnologia, Resende/RJ, 2007.

A Gestão da cadeia de suprimentos utilizando conceitos de logística Virtual

Autores: Leandro Callegari Coelho e Ronaldo Lima de Cristo

 

Este  artigo  aborda  uma  maneira  de  obtenção  de  vantagem  competitiva  e  uma  ferramenta  para melhoria da  eficiência operacional através do uso dos conceitos da  logística virtual, especialmente no  setor  produtivo.  A  teoria  de  logística  virtual,  ou  e-logistics  como  tem  sido  tratada,  pode  ser utilizada, de  forma complementar, em empresas do mundo físico, extrapolando-se do mundo virtual, das  empresas  baseadas  na  Internet  de  forma  a  suprir  aquelas  com  novos  conceitos  inicialmente formatados  para  estas  no  que  tange  a  estoques,  produção,  disponibilidade  de  insumos  e mercado consumidor. Estes conceitos  são apresentados com o apoio de exemplos e  ilustrações, fazendo uma discussão sobre o tema, baseado no proposto por Clarke (1998). Como resultado, espera-se o melhor uso dos recursos logísticos.