seminário

8° Seminário Internacional de Logística Agroindustrial

Há cerca de quatro décadas, caixas metálicas de dimensões padronizadas, denominadas contêineres, passaram a ser utilizadas para movimentação de cargas destinadas ao mercado internacional. A praticidade dessa operação, aliada à redução de custos logísticos associados ao tempo de carregamento de navios e ao preço do transporte, garantiram a difusão dessa modalidade de movimentação de cargas nos principais pólos exportadores do mundo. No âmbito das commodities agrícolas, sabe-se que produtos de maior valor agregado, como o algodão e o café, são tradicionalmente transportados via contêineres, mas as vantagens logísticas desse tipo de movimentação também têm atraído embarcadores de produtos de baixo valor agregado, como os grãos e o açúcar.

Assim, entender com maiores detalhes os elos que compõem essa recente cadeia de movimentação no país e no mundo permite orientar os agentes envolvidos no setor a estabelecerem processos logísticos otimizados e que contemplem, entre outros, ganhos econômicos e operacionais ao sistema.

Seminário sobre logística lean

Empresas e experts vão detalhar, dentro da Associação de Funcionários da Robert Bosch, em Campinas, como conseguir eliminar desperdícios e aumentar competitividade ao adotar logística ‘a la Sistema Toyota’.

Grandes empresas, como Volks, Bosch, Parker, Schulz, Stihl… e muitas outras, estão ficando comprovadamente mais eficientes ao aplicarem em suas logísticas, tanto interna quanto externa, o Sistema Lean, método de gestão inspirado no modelo Toyota, que também gera resultados positivos para esse setor tão estratégico: a logística.

Pois para disseminar esse fenômeno entre as empresas é que o Lean Institute Brasil (www.lean.org.br), entidade sem fins lucrativos referência no mundo nesse assunto, vai promover, dia 22 de março de 2011, o “Seminário Logística Lean”, que vai reunir alguns dos mais interessantes cases sobre o assunto, além de super especialistas, que vão detalhar como esse “movimento” vem ocorrendo entre as empresas brasileiras.